DA ARROGÂNCIA PARA A HUMILDADE NA PROCURA POR TRABALHO

DA ARROGÂNCIA PARA A HUMILDADE NA PROCURA POR TRABALHO

Compartilhar

Existem certas atitudes que reduzem a zero as chances de conseguir a inserção no mercado de trabalho e tomar consciência delas é o primeiro passo para a mudança. Por isso, saiba como migrar de um conjunto de práticas prejudiciais – que também existem no contexto das organizações – para outro virtuoso que pode fazer toda a diferença.

 

Da "reclamação" para a "sugestão": reclamar ou apontar erros é fácil, difícil é fazer sugestões construtivas, mas são justamente essas sugestões que podem fazer a diferença em certo contexto.

 

Do "interromper" para "dar espaços": nos ambientes de trabalho, é importante acolher as diferentes opiniões e visões, pois a realidade é complexa e multifacetada. Assim, em vez de buscar interromper o que os outros dizem, é salutar fazer o contrário e dar mais vazão a esses relatos.

 

Do "não tenho falhas" para "admitir erros": não há perfeição nas trocas sociais e os erros são cometidos diariamente. Ter consciência da própria imperfectibilidade já é uma vitória e saber admitir seus erros representa o interesse em buscar sempre mais acertos.

 

Do "ter certeza" para "abertura para aprender": reconhecer seus limites é prioritário. Ninguém sabe tudo e sempre existe algo a aprender. Saber conviver com suas fronteiras é uma atitude necessária, um primeiro passo rumo a práticas mais enriquecedoras.

 

Do "buscar culpados" para a "solução": o sentimento de justiceiro não contribui em nada para as práticas profissionais, seja no trabalho ou na busca por este. Diferentemente, focar em encontrar soluções oferece respostas e transforma a realidade.

 

Postagens Recentes

Checklist para a entrevista

Checklist para a entrevista

27 de fevereiro de 2024
Somos destaque!

Somos destaque!

01 de fevereiro de 2024
Feirão de Vagas Mancha Verde

Feirão de Vagas Mancha Verde

24 de janeiro de 2024