Apresentação pessoal: como falar de si desde o currículo até a narrativa

Apresentação pessoal: como falar de si desde o currículo até a narrativa

Compartilhar

No momento da entrevista de seleção, tudo aquilo que o candidato faz e também o que não faz informa algo a seu respeito. Isso significa que outros elementos como a vestimenta, por exemplo, também “falam”. Portanto, não é somente na hora de “contar sobre si” que o candidato está efetivamente fazendo a sua apresentação pessoal. É preciso considerar o todo.

 

Basicamente, podemos identificar três aspectos que nos ajudam a pensar sobre isso: a apresentação visual (roupas, acessórios, perfumes etc.), as atitudes (o chegar no horário, o cumprimentar etc.) e a narrativa que a pessoa faz de si. 

 

Sobre a apresentação visual, é necessário acima de tudo adequação. Se a contratação é para um trabalho mais formal, em uma empresa tradicional, as roupas precisam ser coerentes com o contexto. Ao contrário, se o trabalho é mais casual e em uma empresa flexível, o cenário é diferente. De todo modo, a regra geral é: menos é mais. Por isso, se você gosta de utilizar acessórios, por exemplo, aposte na simplicidade. Na apresentação visual também podemos considerar o currículo. Um currículo descuidado e com erros ortográficos já dizem algo a respeito do candidato. Assim, o esmero precisa estar em tudo.

 

Outro aspecto importante são as atitudes. Chegar ou não no horário combinado para a entrevista, por exemplo, é determinante. É evidente que imprevistos ocorrem, por isso mesmo que é sempre bom sair de casa com bastante antecedência. Também é preciso levar em conta o modo de agir do candidato durante a entrevista: se a postura é adequada ou relaxada em excesso, se dialoga olhando para o entrevistador ou sempre olhando para baixo, se demonstra ansiedade etc. Sobre isso, é bastante válido aprender sobre linguagem corporal, aqueles movimentos que nosso corpo faz de forma involuntária, pois eles também dizem muito sobre nós.

 

Por fim, a narrativa que o candidato faz de si é bastante significativa, incluindo o modo como se apresenta como potencial profissional daquela empresa (a articulação dos argumentos, a gestualidade, as ênfases etc.). Nessa hora, é recomendável seguir uma ordem cronológica, a menos que seja solicitado de outro modo. O candidato pode partir da sua formação técnica ou acadêmica, avançar nas experiências profissionais, complementar com outras formações interessantes, como idiomas, ou outras experiências, como voluntariado, e finalizar com seus gostos e interesses profissionais. 

Postagens Recentes

Checklist para a entrevista

Checklist para a entrevista

27 de fevereiro de 2024
Somos destaque!

Somos destaque!

01 de fevereiro de 2024
Feirão de Vagas Mancha Verde

Feirão de Vagas Mancha Verde

24 de janeiro de 2024